Sindifisco reage a nota da Apeg: “Mira na verba indenizatória para camuflar incongruências”

“Quando a PGE ameaça a verba indenizatória do Fisco ameaça também outros 1.500 servidores da Economia, inclusive a própria titular da pasta e seus subsecretários”

O Sindicato dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás (Sindifisco), que realiza uma mobilização nessa terça-feira (26), respondeu a uma nota emitida de pela Associação dos Procuradores do Estado de Goiás (Apeg). Em nota enviada ao Mais Goiás, a entidade afirmou que “a Procuradoria Geral do Estado (PGE) mira na verba indenizatória concedida ao Fisco estadual como forma de camuflar as dezenas de incongruências que vem fomentando em proveito próprio na sua condição de orientador jurídico do Estado”. Leia a matéria na íntegra...